Vitória do Dortmund adia comemoração do título do Bayern

sábado, 30 de março de 2013 16:57 BRT
 

BERLIM, 30 Mar (Reuters) - Artilheiro do Campeonato Alemão, Robert Lewandowski conferiu a oito minutos do apito e deu ao campeão Borussia Dortmund uma vitória nervosa de 2 x 1 sobre um Stuttgart com dez homens neste sábado, adiando a quase inevitável comemoração do título do Bayern de Munique em pelo menos uma semana.

Lewandowski fez seu 20o gol na temporada após um avanço do polonês Lukasz Piszczek na área.

Sem a derrota do Stuttgart, o Bayern teria a chance de garantir o título ainda neste sábado com um êxito em casa sobre o Hamburgo, mas a vitória do segundo colocado Dortmund deixou o time 17 pontos atrás do líder.

Se o Bayern vencer o Hamburgo, terá uma vantagem de 20 pontos faltando sete jogos para o final, e precisará esperar só um pouco mais para comemorar seu primeiro troféu na liga alemã desde 2010.

Saindo da reserva, Piszczek conferiu de cabeça uma cobrança de falta de Marco Reus e abriu o placar aos 29 minutos, mas o Dortmund perdeu uma série de oportunidades na sequência. O Stuttgart recuperou terreno no jogo e Alexandru Maxix igualou com um tiro baixo aos 18 minutos da etapa complementar.

Os anfitriões, que também haviam balançado a trave mais cedo, tiveram sorte de ter o gol validado depois que Antonio Rüdiger, aparentemente impedido, fez o lançamento que levou ao gol.

O Stuttgart ainda teve Georg Niedermeier expulso por um segundo cartão amarelo por uma entrada dura em Mario Götze aos 23 do segundo tempo, e o Dortmund fez o homem a mais contar quando o zagueiro direito Piszczek abriu caminho pela lateral e passou para Lewandowski.

(Por Karolos Grohmann)

 
Robert Lewandowski, do Borussia Dortmund domina a bola no jogo pela primeira divisão do campeonato alemão contra o VfB Stuttgart, em Stuttgart. Artilheiro do Campeonato Alemão,Lewandowski conferiu a oito minutos do apito e deu ao campeão Borussia Dortmund uma vitória nervosa de 2 x 1 sobre um Stuttgart com dez homens neste sábado, adiando a quase inevitável comemoração do título do Bayern de Munique em pelo menos uma semana. 30/03/2013. REUTERS/Lisi Niesner