8 de Abril de 2013 / às 20:25 / 4 anos atrás

Após vitória, Brasil manterá 70% do time para enfrentar Chile, diz Parreira

RIO DE JANEIRO, 8 Abr (Reuters) - Animado com a fácil vitória do Brasil sobre a Bolívia por 4 x 0 no fim de semana, o coordenador técnico Carlos Alberto Parreira afirmou nesta segunda-feira que cerca de 70 por cento do grupo deve ser mantido para o amistoso com o Chile neste mês e que quatro jogadores impressionaram tanto que podem ser incluídos na lista para a Copa das Confederações.

Parreira minimizou o fato de o amistoso ter sido disputado contra uma seleção que está em penúltimo lugar nas eliminatórias para a Copa do Mundo e declarou que o Brasil se impôs e mostrou a sua força na casa do adversário. O jogo em Santa Cruz de la Sierra foi a primeira vitória do Brasil desde o retorno do técnico Luiz Felipe Scolari ao time.

Sem citar nomes, ele revelou que alguns atletas do grupo formado apenas por jogadores que atuam no Brasil, abriram oportunidade para jogar a Copa das Confederações e até a Copa do Mundo do ano que vem.

"Vamos manter 70 por cento do time que jogou com a Bolívia", disse ele a jornalistas, em evento no Rio de Janeiro, sobre o amistoso contra os chilenos, no dia 24, que também será disputado sem os atletas que jogam no exterior.

"Foi uma oportunidade de reunir o time; óbvio que Bolívia não é Rússia, Itália, mas uma semana antes ela empatou com a Argentina. O importante é que o time se impôs e 3 ou 4 jogadores criaram resíduos importantes para Copa das Confederações e até para a Copa do Mundo."

Um desfalque certo na lista para o jogo em Belo Horizonte será o atacante Fred, do Fluminense, que ficará afastado pelo menos três semanas. Ele não foi convocado para a partida na Bolívia para ser poupado, e a lesão abre espaço para jogadores como Alexandre Pato, Leandro Damião é até Leandro.

"Fred poderia estar na lista do dia 24, mas é um jogo para olhar jogadores sem o calendário Fifa. Ele criou banha, resíduo", afirmou Parreira, lembrando que Fred marcou gols nos três amistosos contra Inglaterra, Itália e Rússia.

Até a Copa das Confederações, que começa em 15 de junho, o Brasil ainda terá amistosos com Inglaterra e França, no Brasil, já com o grupo fechado para o torneio.

A ideia da comissão técnica é chegar até a Copa das confederações com 80 por cento do plantel pronto para o Mundial do ano que vem.

"Quando assumimos (no final do ano passado), tivemos a ideia clara que se a Copa fosse naquele momento, a seleção brasileira não seria favorita; daqui um ano e meio vamos ser favoritos. Ela (Copa das Confederações) vai ser trampolim para definir jogadores, maneira de jogar, 70 a 80 por cento do time que vai disputar", ressaltou Parreira.

NEYMAR

Em meio a críticas ao futebol e ao estilo de jogo do principal jogador do Brasil no momento, o atacante Neymar, Parreira reiterou que o jogador é a grande aposta da seleção para as duas Copas.

O coordenador técnico, que chegou a dizer que Neymar deveria ficar no país até o Mundial, agora diz que veria com bons olhos se o atacante do Santos fosse embora no meio do ano para um time europeu.

"Se for em junho, o Neymar poderia pegar alguns jogos (na temporada europeia); acho até que seria interessante", declarou. "Se for em janeiro, vai ser perda de tempo, com frio muito grade, neve e período de adaptação."

Parreira voltou a elogiar o jogador, que na seleção ainda não reeditou as mesmas atuações decisivas que tem pelo Santos.

"Não temo um jogador com a categoria dele. Temos confiança, ele vai ser útil para o Brasil, não tenho dúvida disso. Fez o gol mais bonito e ficaram com vergonha de dar para ele pelo segundo ano seguido no ano passado", finalizou ele, sobre a eleição na Fifa do gol mais bonito do ano.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below