Em 19º, Brasil atinge nova pior colocação no ranking da Fifa

quinta-feira, 11 de abril de 2013 12:00 BRT
 

BERNA, 11 Abr (Reuters) - O Brasil caiu para sua nova pior colocação na história do ranking da Fifa, o 19º lugar, nesta quinta-feira, enquanto o Equador ingressou nos 10 primeiros lugares pela primeira vez.

A vitória da seleção brasileira por 4 x 0 sobre a Bolívia no fim de semana, a primeira desde o retorno de Luiz Felipe Scolari ao comando da equipe, não impediu a queda no ranking, após os empates contra Itália e Rússia, no fim de março.

O declínio da seleção brasileira acontece em parte porque o país não disputa as eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, da qual será o país sede, e porque os jogos amistosos contam menos pontos no complicado sistema de cálculo do ranking.

Mesmo assim, os resultados do Brasil têm ficado bem aquém das expectativas, em especial contra as equipes de ponta.

O país é o quinto colocado entre os times da América do Sul, atrás de Argentina, Colômbia, Equador e Uruguai.

Venezuela (36), Panamá (38), Albânia (48), Guiné Equatorial (59), Tajiquistão (112) e Afeganistão (139), assim como o Equador (10), registraram em abril suas melhores posições na história.

As equipes asiáticas continuaram mal posicionadas na lista. O Japão, melhor time do continente, caiu três posições, para 29º. Coreia do Sul (42) e Austrália (46) são as outras únicas equipes da confederação asiática entre os 50 primeiros colocados.

A Costa do Marfim é a melhor seleção da África, em 12º, e o México, duas posições atrás, é o melhor da Concacaf.

Não houve qualquer mudança entre os três primeiros colocados: Espanha, Alemanha e Argentina.   Continuação...

 
Neymar comemora gol contra a Bolívia durante amistoso no estádio Ramon Tauchi Aguilera, em Santa Cruz. O Brasil caiu para sua nova pior colocação na história do ranking da Fifa, o 19º lugar, nesta quinta-feira, enquanto o Equador ingressou nos 10 primeiros lugares pela primeira vez. 06/04/2013 REUTERS/ David Mercado