Nadal sofre para bater Dimitrov e enfrenta Tsonga; Djokovic vence fácil

sexta-feira, 19 de abril de 2013 16:17 BRT
 

MONTE CARLO, 19 Abr (Reuters) - Rafael Nadal, oito vezes campeão do Masters de Monte Carlo, sofreu para derrotar o búlgaro Grigor Dimitrov por 6-2, 2-6 e 6-4, nesta sexta-feira, e alcançar a semifinal do torneio.

Nadal, que cometeu um número incomum de erros não-forçados e pareceu desconfortável contra o adversário de 21 anos, fechou a partida com um ace em sua 45a vitória consecutiva no primeiro grande torneio da temporada de saibro.

O espanhol tem agora um retrospecto de 47 triunfos e apenas uma derrota em Monte Carlo e enfrentará na próxima fase o francês Jo-Wilfried Tsonga, que bateu o suíço Stanislas Wawrinka por 2-6, 6-3 e 6-4 e chegou entre os quatro melhores pela primeira vez.

"Tive um primeiro set fantástico e isso é importante. Significa que meu nível está aqui", disse Nadal em entrevista coletiva.

"Estou perdendo um pouco de intensidade em alguns momentos. Isso é normal depois de um longo período fora das competições", acrescentou ele, que ficou sete meses afastado por causa de uma lesão no joelho.

Ele voltou a atuar em fevereiro e conquistou três dos quatro torneios que disputou, incluindo o Aberto do Brasil e o Masters de Indian Wells. Antes de Monte Carlo, ficou um mês sem atuar.

O número um do mundo, Novak Djokovic, não foi prejudicado desta vez por seu tornozelo lesionado e passou pelo finlandês Jarkko Nieminen por 6-4 e 6-3.

O sérvio enfrentará na semifinal o italiano Fabio Fognini, 32o colocado do ranking mundial, que faz sua melhor campanha em um Masters Series e eliminou o sétimo cabeça-de-chave Richard Gasquet por 7-6 e 6-2.

(Reportagem de Gregory Blachier)