Dois gols deveriam ter sido anulados, diz auxiliar do Barça

quarta-feira, 24 de abril de 2013 10:51 BRT
 

MUNIQUE, 23 Abr (Reuters) - Dois dos gols marcados pelo Bayern de Munique na vitória de 4 x 0 sobre o Barcelona nesta terça-feira deveriam ter sido anulados, disse o auxiliar técnico do Barça, Jordi Roura, após a partida de ida da semifinal da Liga dos Campeões.

Mario Gomez parecia ligeiramente impedido ao completar para as redes uma cabeçada de Thomas Mueller no segundo gol, marcado aos 4 minutos da segunda etapa.

No terceiro gol, Mueller pareceu obstruir Jordi Alba enquanto Arjen Robben fazia uma bela jogada para marcar seu gol.

"Eu não quero falar sobre o árbitro, mas está claro que marcou dois gols ilegítimos", afirmou Roura aos repórteres.

"Em todos os jogos que disputamos fora de casa, contra Milan e Paris St Germain, houve decisões discutíveis, mas eu não quero que isso seja uma desculpa."

"Foram gols ilegais, mas não devemos tirar o mérito de nossos adversários. O Bayern foi melhor e não fomos capazes de resistir à pressão física deles", completou.

O treinador do Bayern, Jupp Heynckes, disse que não tinha uma visão perfeita do banco para falar sobre os lances polêmicos.

"Quando você está na linha do campo, é muito difícil ter uma visão clara do que aconteceu", explicou.

(Por Brian Homewood)

 
Auxiliar técnico do Barça, Jordi Roura, durante coletiva de imprensa na Ciutat Esportiva Joan Gamper, em Sant Joan Despi, perto de Barcelona, 9 de abril de 2013. Roura disse que dois dos gols marcados pelo Bayern de Munique na vitória de 4 x 0 sobre o Barcelona nesta terça-feira deveriam ter sido anulados. 09/04/2013 REUTERS/Gustau Nacarino