Uruguaio assume lugar de Leoz no comando da Conmebol

quarta-feira, 1 de maio de 2013 14:00 BRT
 

ASSUNÇÃO, 1 Mai (Reuters) - O uruguaio Eugenio Figueredo foi designado oficialmente na terça-feira como presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), em substituição ao paraguaio Nicolás Leoz, que passou quase 27 anos no cargo.

Figueredo, de 81 anos, era vice-presidente da entidade desde 1993, e foi nomeado na semana passada como sucessor automático de Leoz, que renunciou aos 84 anos alegando motivos de saúde. Na terça-feira, um relatório do comitê de ética da Fifa revelou que Leoz havia recebido subornos da falida empresa de marketing ISL.

O novo presidente concluirá o mandato de Leoz, que vai até 2015, disse a Conmebol em nota divulgada após reunião do seu comitê-executivo na sede da entidade, em Luque, nos arredores de Assunção.

O texto acrescenta que Figueredo assumirá também a vaga regional no comitê-executivo da Fifa.

"Tivemos a oportunidade de nos despedir do dr. Leoz. Foi uma despedida emotiva a um homem do futebol (...) Fez muito pela Confederação Sul-Americana de Futebol", disse Figueredo em rápidas declarações à imprensa.

O dirigente, ex-presidente da Associação Uruguaia de Futebol, acrescentou que deseja abrir caminho para uma troca de geração na entidade a partir do próximo mandato.

(Por Mariel Cristaldo)

 
O uruguaio Eugenio Figueredo discursa em Assunção, Paraguai. Figueredo foi designado oficialmente na terça-feira como presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), em substituição ao paraguaio Nicolás Leoz, que passou quase 27 anos no cargo. REUTERS/Jorge Adorno