Saída de Mourinho colocaria presidente do Real Madrid em impasse

quarta-feira, 1 de maio de 2013 14:03 BRT
 

BARCELONA, 1 Mai (Reuters) - A possível saída de José Mourinho do Real Madrid ao fim da temporada deixaria o presidente do clube, Florentino Pérez, em uma situação difícil na hora de encontrar um substituto adequado para o homem que é constantemente classificado como "o melhor treinador do mundo".

Obcecado com conquistar o décimo título continental, que a equipe persegue desde 2002, o magnata da construção contratou o controverso português em 2010 a um grande custo, após este levar o Inter de Milão ao título da Liga dos Campeões.

Após a eliminação da competição da elite europeia pelo Borussia de Dortmund na terça-feira, Mourinho fez insinuações mais consistentes de que seu tempo na capital espanhola está chegando a um fim.

O Real Madrid esteve perto de devolver o placar de 4 a 1 na partida de volta das semifinais, disputada no estádio Santiago Bernabéu.

Karim Benzema e Sérgio Ramos marcaram gols no fim da partida, dando esperança ao Real, mas as ofensivas não foram suficientes e o Dortmund conquistou sua posição na final de 25 de maio.

(Reportagem de Iain Rogers)

 
Treinador do Real Madrid, José Mourinho, devolve a bola para um jogador do Borussia Dortmund durante partida da Liga dos Campeões em Madri, Espanha. A possível saída de Mourinho do Real Madrid ao fim da temporada deixaria o presidente do clube, Florentino Pérez, em uma situação difícil na hora de encontrar um substituto adequado para o homem que é constantemente classificado como "o melhor treinador do mundo". 30/04/2013 REUTERS/Ina Fassbender