Polícia de Brasília cancela pedido de capas de chuva para Copa do Mundo

quarta-feira, 1 de maio de 2013 17:00 BRT
 

1 Mai (Reuters) - A Polícia Militar do Distrito Federal cancelou a ordem de compra de 17 mil capas de chuvas que seriam utilizadas nas copas das Confederações e do Mundo, já que a competição será realizada durante o período de seca na região.

O pedido, no valor de 5,35 milhões de reais, foi considerado "desmedido" pelo próprio governador Agnelo Queiroz, que nesta quarta-feira trocou o comando da Polícia Militar do DF, de acordo com informações do site do governo.

É muito raro chover em Brasília no período em que serão realizados os eventos esportivos, já que a seca se estende normalmente de abril a outubro.