Leonardo é suspenso provisoriamente por incidente com árbitro

terça-feira, 7 de maio de 2013 18:39 BRT
 

PARIS, 7 Mai (Reuters) - O diretor esportivo do Paris St Germain, Leonardo, foi suspenso provisoriamente por um suposto empurrão no árbitro Alexandre Castro depois de um jogo do Campeonato Francês, informou a Liga Francesa (LFP) nesta terça-feira.

Imagens de TV mostraram Leonardo batendo com o ombro esquerdo em Castro no túnel do estádio Parc des Princes após o empate de 1 x 1 contra o Valenciennes, no domingo.

"A comissão (disciplinar) vai investigar a questão e, dada a gravidade dos fatos, suspende Leonardo provisoriamente a partir de quarta-feira, 8 de maio", disse a LFP em um comunicado.

Leonardo nega a agressão, dizendo ter sido empurrado na direção de Castro por um delegado da partida.

"Vou lhe dizer uma coisa: eu é que fui agredido, e vou pedir que o delegado seja suspenso", disse o brasileiro, que poderá pegar uma suspensão de no máximo de um ano, ao jornal francês Le Parisien na terça-feira.

O zagueiro do PSG Thiago Silva recebeu uma suspensão de dois jogos pelo cartão vermelho recebido de forma direta por encostar em Castro ao contestar uma decisão aos 42 minutos do primeiro tempo na partida de domingo.

A decisão da LFP significa que o zagueiro brasileiro só estará disponível para o último jogo da temporada. Ele perderá o confronto de domingo contra o Olympique de Lyon e outro diante do Stade Brest.

Este foi o nono cartão vermelho do PSG da campanha - mais do que qualquer outra importante equipe nos principais campeonatos europeus - e acontece uma semana depois de David Beckham e Marco Verratti serem expulsos na vitória por 1 x 0 sobre o Evian Thonon Gaillard.

O PSG lidera o campeonato com 74 pontos, sete a mais que o segundo colocado Olympique de Marselha restando três jogos para o final.

(Por Julien Pretot)