Felipão pensa na Copa e avisa: "cobrança será imediata"

terça-feira, 14 de maio de 2013 17:05 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 14 Mai (Reuters) - O técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, deixou a porta aberta para jogadores que ficaram de fora da lista para a Copa das Confederações, nesta terça-feira, e fez um alerta aos convocados: "a cobrança será imediata".

A seleção brasileira disputará, antes do torneio de junho, dois amistosos, contra Inglaterra e França, nos dias 2 e 9 do mesmo mês, e Felipão disse que os jogadores terão que se apresentar bem já na partida diante dos ingleses.

"Pretendo que a equipe jogue um bom futebol a partir do jogo com a Inglaterra. Não posso esperar... Temos que jogar bem, independentemente dos dias que temos para treinar", disse Felipão em entrevista coletiva no Rio de Janeiro.

"Não vamos esperar para cobrar dos nossos jogadores... para jogarmos com um pouquinho mais de tranquilidade. Eles sabem que têm a minha confiança... mas a cobrança será imediata", acrescentou o treinador, que comandou a seleção em cinco jogos este ano, com três empates, uma derrota e uma vitória.

Os 23 convocados se apresentam à seleção brasileira no próximo dia 27 e a estreia na Copa das Confederações acontece no dia 15 de junho contra o Japão. O Brasil enfrenta ainda México e Itália pela primeira fase.

Felipão disse que já tem ideia do time titular. "A gente tem que observar como eles vão se apresentar, junto com o departamento físico, mas já temos mais ou menos idealizado a equipe (titular)."

Vaiada no empate com o Chile no estádio do Mineirão, no final de abril, a equipe brasileira espera o apoio da torcida em casa, segundo o técnico campeão mundial na Copa de 2002.

"Nós somos a seleção do Brasil, e independente do Estado em que jogarmos, acho que temos que incentivar quem estiver jogando, para conseguirmos o quarto título brasileiro (da Copa das Confederações)", declarou.

Felipão disse que no Mundial de 2014 o Brasil poderá ter "jogadores diferentes" e revelou que o auxiliar técnico Flávio Murtosa vai observar atletas das categorias de base durante amistosos no Espírito Santo, sob comando do treinador Alexandre Gallo. "Estamos seguindo um trabalho integrado", disse ele.   Continuação...

 
Técnico da seleção brasileira de futebol, Felipão, gesticula durante coletiva de imprensa no Rio de Janeiro. Scolari, deixou a porta aberta para jogadores que ficaram de fora da lista para a Copa das Confederações, nesta terça-feira, e fez um alerta aos convocados: "a cobrança será imediata". 14/05/2013 REUTERS/Sergio Moraes