Problema na suspensão provocou batida de Massa em Mônaco, diz Ferrari

terça-feira, 28 de maio de 2013 08:58 BRT
 

LONDRES, 28 Mai (Reuters) - Um problema na suspensão provocou o acidente do brasileiro Felipe Massa no Grande Prêmio de Mônaco no domingo, informou a Ferrari nesta terça-feira.

O acidente de Massa na corrida pareceu uma repetição da batida que ele sofreu no último treino livre da prova, no sábado, que ele disse ter sido causado por um travamento nas rodas dianteiras após a freada.

Nas duas batidas, o brasileiro perdeu o controle do carro e bateu na proteção na reta dos boxes, antes da curva Sainte Devote.

No entanto, a escuderia italiana disse que o acidente de domingo foi diferente do outro.

"As descobertas validaram as primeiras impressões dos engenheiros, confirmando que o acidente foi causado por um elemento na suspensão dianteira esquerda", disse a Ferrari em seu site.

O carro de Massa bateu no guard rail de metal e depois entrou de frente nas barreiras de proteção. O piloto foi retirado do local com um colar cervical e levado a um hospital para exames de prevenção.

A Ferrari disse que Massa vai precisar de alguns dias de descanso mas que já está se preparando para o Grande Prêmio do Canadá da próxima semana, e que a presença do brasileiro está garantida na corrida.

"A melhor notícia do fim de semana em Mônaco é que Felipe está bem", disse o chefe da equipe, Stefano Domenicali, após um GP ruim para a Ferrari, em que o outro piloto da escuderia, Fernando Alonso, largou em sexto e terminou em sétimo.

"Dois acidentes, com apenas 24 horas de diferença, e ele está apenas com um pouco de dor muscular", acrescentou.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
Piloto da Ferrari Felipe Massa volta para os boxes depois de bater na terceira sessão de treinos do Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1. Um problema na suspensão provocou o acidente do brasileiro Felipe Massa no Grande Prêmio de Mônaco no domingo, informou a Ferrari nesta terça-feira. O acidente de Massa na corrida pareceu uma repetição da batida que ele sofreu no sábado. 25/05/2013. REUTERS/Robert Pratta