Seleção brasileira se reúne no Rio sem jogadores do Bayern de Munique

terça-feira, 28 de maio de 2013 20:50 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 28 Mai (Reuters) - A ausência do zagueiro Dante e do volante Luiz Gustavo, ambos do Bayern de Munique, foi o principal assunto na apresentação da seleção brasileira, nesta terça-feira, no Rio de Janeiro, para a disputa de amistosos e da Copa das Confederações, em junho.

A comissão técnica está avaliando a ausência dos dois jogadores, e a possibilidade de corte não está descartada, disse à Reuters uma fonte da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O time alemão conta com os dois atletas para a final da Copa da Alemanha, no sábado, contra o Stutgart, que vale ao Bayern a tríplice coroa na temporada 2012/2013. O Bayern foi campeão alemão e da Liga dos Campeões da Europa.

Líderes da seleção brasileira, os zagueiros Thiago Silva e David Luiz defenderam o bom senso para resolver a questão.

"É uma questão delicada e tenho certeza que eles gostariam de estar aqui e também de disputar a final com o clube deles... é preciso bom senso", disse a jornalistas Thiago Silva, zagueiro do PSG.

David Luiz, do Chelsea, também acredita que os jogadores do Bayern devem estar divididos. "É natural que dois jogadores que lutaram todo ano para chegar a uma final queiram disputar esse jogo e é natural quererem estar aqui também", afirmou ele. "Espero que haja bom senso, ou seja, sendo campeão lá e depois vindo para cá".

Uma posição final sobre o tema deverá ser dada pelo coordenador técnico da seleção brasileira, Carlos Alberto Parreira. Ele e o técnico Luiz Felipe Scolari estiveram na Europa recentemente e conversaram com dirigentes, técnicos e jogadores sobre a apresentação para a Copa das Confederações e amistosos contra Inglaterra, no domingo, e França, dia 9 de junho.

O amistoso com a Inglaterra não é uma data Fifa e, portanto, os clubes não têm obrigação de ceder jogadores convocados.

Além dos jogadores do Bayern, os atletas de Fluminense, Diego Cavalieri, Jean e Fred, e de Atlético Mineiro, Bernard e Réver, não se apresentaram devido a compromissos pela Copa Libertadores nesta semana. Eles foram liberados pela comissão técnica para estas partidas.

O lateral-esquerdo Filipe Luís, que sofreu uma pancada no rosto em um jogo de seu clube, o Atlético de Madri, durante o Campeonato Espanhol no fim de semana, se apresentou normalmente e revelou que "pela seleção aceitaria quebrar a cabeça de novo", se fosse necessário.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)