Olimpíadas de Londres 2012 divulga superávit final em suas contas

quinta-feira, 30 de maio de 2013 12:54 BRT
 

LONDRES, 30 Mai (Reuters) - A Associação Olímpica Britânica (BOA, na sigla em inglês), recebeu inesperados 5,3 milhões de libras (8,01 milhões de dólares) nesta quinta-feira depois que os organizadores dos Jogos de Londres de 2012 registraram um superávit de 30 milhões nas contas finais.

Os organizadores do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Londres (LOCOG, na sigla em inglês) disseram que tinham conseguido uma receita de 2,41 bilhões de libras por meio de programas de receita com o setor privado ao longo dos oito anos de existência da empresa, com custos de 2,38 bilhões.

"Um dos nossos principais objetivos era entregar um excepcional Jogos Olímpicos dentro de um orçamento equilibrado e eu tenho orgulho de dizer que conseguimos isso, graças à forte gestão de nossas finanças principais", disse o presidente do LOCOG, Seb Coe, que agora é também presidente da BOA.

"Isso significa que nós podemos fazer pagamentos ao BOA e BPA (Associação Paraolímpica Britânica), permitindo que ambas as organizações sigam para sua próxima rodada de compromissos Olímpicos e Paraolímpicos com alguma segurança adicional", acrescentou Coe.

O BPA receberá 2,6 milhões de libras.

O LOCOG disse que também iria pagar cerca de 20 milhões ao Departamento de Cultura, Mídia e Esporte para cumprir compromissos no âmbito dos acordos de subvenção do governo.

O governo concedeu separadamente quase nove bilhões de libras de dinheiro público para a construção do Parque Olímpico e proporcionou segurança para os locais no leste de Londres que hospedaram o maior evento esportivo do mundo.

Royalties de 1,3 milhão recebidos, mas não necessários para financiar a operação dos Jogos, seriam doados para projetos de legado, acrescentou o LOCOG.

(Por Alan Baldwin)