"Potência" Azarenka derrota francesa Cornet de virada

sábado, 1 de junho de 2013 16:13 BRT
 

PARIS, 1 Jun (Reuters) - Alize Cornet chamou Victoria Azarenka de "potência" depois que a terceira cabeça de chave se recuperou de um início hesitante e a massacrou em três sets neste sábado em Roland Garros, na França.

A bicampeã do Aberto da Austrália pareceu prestes a sair do rumo e suas credenciais foram postas em xeque pela francesa, mas Azarenka pisou no acelerador e venceu com parciais de 4-6, 6-3 e 6-1, garantindo uma vaga nas oitavas de final.

Cornet se impôs sobre a bielorrussa durante longos períodos, aparentando estar mais afiada, mas a consistência e o poder de fogo de Azarenka a desgastaram no fim das contas.

"Ela é uma máquina, uma potência", disse Cornet. "Ela joga do mesmo jeito do primeiro ao último ponto". "O topspin dela me nocauteou em todos os cantos. O que assusta é que eu perdi um ou dois games, mas isso basta para você afundar".

Cornet, 31ª cabeça de chave, levou o primeiro set, mas as duas tenistas procuravam firmar o saque, trocando quebras frequentes.

A disputa se manteve bem equilibrada até Azarenka, que nunca passou das quartas de final no Aberto da França, encontrar o ritmo e abalar a confiança de Cornet, vencendo o segundo set e logo confirmando o terceiro.

O serviço de Azarenka, em especial, a decepcionou - ela cometeu 10 duplas faltas e teve o saque quebrado em seis ocasiões.

"Realmente senti que deixei o saque em casa hoje, mas é admirável que consiga vencer jogando assim", declarou Azarenka.

Na sequência ela enfrenta a ex-campeã Francesca Schiavone, que fez uma partida de encher os olhos na vitória sobre a francesa Marion Bartoli em 6-2 e 6-1 também neste sábado.

(Reportagem de Toby Davis)

 
Victoria Azarenka, da Bielorrússia, após derrotar a francesa Alize Cornet, no Aberto da França em Roland Garros, França. 01/06/2013 REUTERS/Stephane Mahe