Técnico italiano reclama da forma física dos jogadores

quinta-feira, 20 de junho de 2013 11:42 BRT
 

Por Andrew Downie

RECIFE, 20 Jun (Reuters) - O técnico da Itália, Cesare Prandelli, lamentou na quarta-feira os efeitos do clima brasileiro e do cronograma da Copa das Confederações sobre os seus jogadores.

A equipe venceu o Japão de virada por 4 x 3, no melhor jogo da competição até agora, mas o treinador queixou-se de que seus atletas estavam exaustos e precisavam de mais tempo de recuperação entre os jogos.

"Este é um torneio interessante, mas talvez devesse haver mais dias de descanso", disse Prandelli. "Este é um país muito quente e os jogadores precisam de mais tempo para recuperar seu vigor."

Prandelli afirmou que não pode nem se programar para o próximo jogo, no sábado, contra o Brasil, enquanto não avaliar as condições físicas do elenco.

Os dois times já se classificaram para as semifinais, mas quem conseguir a primeira colocação provavelmente se livrará da poderosa Espanha na semifinal.

"“Estamos focados em quantos (jogadores) conseguimos recuperar", disse ele. "O jogo contra o Brasil é um jogo importante, não podemos subestimá-lo. Então meu problema é recuperar parte da forma física. Temos de fazer o próximo jogo com o mesmo tipo de determinação e forma física."

Para a partida de quarta-feira, o Japão teve um dia a mais de descanso do que a Itália, e parecia bem mais forte. O que fez a diferença para a Azzurra foi sua experiência e sua frieza nas finalizações.

Alberto Zaccheroni, italiano que treina o Japão, disse que sua meta até a Copa de 2014 será ensinar um pouco de malandragem ao seu jovem elenco.

"Como de costume, cedemos um gol numa bola parada, e houve um gol contra", disse ele. "Esses detalhes são uma constante nas nossas partidas, então precisamos tentar remediar esses problemas antes da Copa do Mundo do ano que vem."

"Ao enfrentar equipes como Brasil, Itália e México, quando você comete um erro eles marcam. Esses times podem ensinar muito, e precisamos aprender essa lição."

 
Técnico do time da seleção da Itália, Cesare Prandelli, fala durante coletiva de imprensa na Arena Pernambuco, em Recife. O técnico da Itália, Cesare Prandelli, lamentou na quarta-feira os efeitos do clima brasileiro e do cronograma da Copa das Confederações sobre os seus jogadores. 18/06/2013. REUTERS/Marcos Brindicci