Wimbledon com adversários mais difíceis no começo não assusta Federer

domingo, 23 de junho de 2013 15:04 BRT
 

Por Toby Davis

LONDRES, 23 Jun (Reuters) - Há poucos jogadores que gostariam da perspectiva de enfrentar Rafael Nadal, Andy Murray e Novak Djokovic em sequência, mas Roger Federer é feito de um material mais duro que a maioria.

O campeão de Wimbledon vai entrar confiante na Quadra Central para enfrentar Victor Hanescu, na próxima segunda-feira, dez anos depois de vencer o primeiro dos seus sete títulos desse torneio e diz que não está pensando no que o espera além do romeno.

O primeiro dia de ação também terá Nadal e Murray, depois que o destino conspirou para agrupar três membros do quarteto que domina o tênis no mesmo lado do sorteio.

O restante do grupo de elite, Djokovic, vai descansar até terça-feira e provavelmente será o adversário da final de quem sobrar da batalha.

"Não deveria ser fácil vencer Grand Slams", disse o suíço que procura mais um título para superar Pete Sampras e William Renshaw como o homem que mais vezes venceu no All England Club.

"Estou pronto para o desafio. Eu gosto de sorteios difíceis. Não fujo deles".

"Tenho um sorteio muito difícil com Rafa nas quartas de final. Se você quiser vencer aqui, precisa vencer os melhores. É para isso que estou aqui.

O sorteio ficou sujeito a isso porque Nadal, atual campeão de Roland Garros, ficou sete meses afastado por lesão desde a edição passada de Wimbledon e caiu para a quinta posição do ranking, atrás do compatriota David Ferrer.   Continuação...