Brasil atropela Espanha no Maracanã em êxtase com a volta do "gigante"

domingo, 30 de junho de 2013 22:27 BRT
 

Por Pedro Fonseca

RIO DE JANEIRO, 30 Jun (Reuters) - A torcida que lotou o Maracanã definiu em coro o significado da vitória brasileira por 3 x 0 sobre a Espanha na final da Copa das Confederações, neste domingo, que garantiu ao Brasil a conquista do título da competição: "O gigante voltou".

Antes da competição visto com desconfiança e considerado longe de estar à altura dos espanhóis atuais campeões do mundo e da Europa, o time brasileiro venceu de forma arrasadora, completando uma campanha com 100 por cento de aproveitamento e apresentando suas credenciais para a Copa do Mundo de 2014.

"Quer jogar, quer jogar, o Brasil vai te ensinar", também gritou a torcida no estádio, refletindo na arquibancada a aula de futebol objetivo que os brasileiros deram em campo contra o tão badalado "tik taka" da Espanha, que estava sem perder há 29 jogos em competições oficias.

"Cria-se uma situação favorável, de um ambiente melhor. O que o povo tem feito por nós é algo fantástico, maravilhoso. Temos que ter isso como princípio em nosso país, a amizade, a união, fazer com que as coisas possam evoluir, através de um bom trabalho", disse o técnico Luiz Felipe Scolari após a partida.

Fred marcou dois gols, completando cinco em cinco jogos, e Neymar fez o outro, seu quarto no torneio. A Espanha ainda perdeu um pênalti, com Sergio Ramos, quando o jogo já estava 3 x 0, e teve o zagueiro Piqué expulso por falta violenta em Neymar, aos 23 minutos da etapa final.

A exemplo do que aconteceu nas outras partidas da equipe na competição, a seleção brasileira começou o jogo levando para dentro de campo a empolgação da torcida com a execução do hino nacional. E o incentivo dos 73 mil torcedores no Maracanã completamente lotado rapidamente transformou-se em gol.

Logo aos dois minutos de jogo, Hulk fez cruzamento da direita para dentro da área. A bola bateu em Neymar e sobrou para Fred que, mesmo deitado, empurrou para o fundo das redes.

O atacante correu em direção à torcida na comemoração, sendo seguido pelos companheiros em um momento de êxtase entre torcida e time.   Continuação...

 
Jogadores do Brasil levantam troféu de campeão da Copa das Confederações neste domingo. REUTERS/Marcos Brindicci