Barcelona diz que ainda tem recursos para gastar com contratações

terça-feira, 2 de julho de 2013 11:53 BRT
 

BARCELONA, 2 Jul (Reuters) - Os recursos para contratações do Barcelona não se esgotaram com o pagamento de 60 milhões de euros por Neymar, disse um porta-voz do clube nesta terça-feira.

Neymar vai jogar ao lado de Lionel Messi, eleito o atual melhor jogador do mundo, em uma linha de frente formidável para o time campeão espanhol, mas o clube provavelmente vai precisar reforçar sua defesa, fonte de preocupação na última temporada.

"O Barça pode pagar por todas as transferências que a equipe técnica julgar necessárias, como sempre", disse o porta-voz do conselho de administração do clube, Toni Freixa, em entrevista coletiva.

"Mas não podemos, naturalmente, dizer ao mercado o quanto estamos dispostos a gastar."

O capitão da equipe, Carles Puyol, de 35 anos, tem sofrido uma série de lesões e a dupla de zaga do Barça na última temporada foi formada, em geral, por Gerard Piqué e Javier Mascherano, originalmente um meia.

O Barça ganhou com facilidade o quarto título em cinco anos, mas sofreu 40 gols em 38 partidas, 11 a mais do que na campanha anterior.

O companheiro de Neymar na seleção brasileira Thiago Silva disse a jornalistas nesta semana que o técnico do Barcelona, Tito Vilanova, tentou persuadi-lo a ir para a capital catalã, mas o Paris St-Germain, atual clube do zagueiro, está relutante em liberá-lo.

Alex Song, outro meia, foi comprado do Arsenal por também poder defender a área central do campo, mas se revelou uma decepção na tarefa.

Daniel Alves e Jordi Alba são peças importantes nas laterais direita e esquerda, respectivamente, e o Barça tem Martin Montoya e Adriano como cobertura.

A chegada de Neymar pode provocar a saída de David Villa, que não tem se mostrado o goleador de sempre desde que quebrou a perna no Mundial de Clubes, no fim de 2011, e completa 32 anos em dezembro.

(Por Iain Rogers, em Madri)