'Murray Mania parte II' anima britânicos em Wimbledon

sábado, 6 de julho de 2013 17:37 BRT
 

Por Belinda Goldsmith

LONDRES, 6 Jul (Reuters) - A "Murray Mania parte II" está agitando a Grã-Bretanha às vésperas da segunda tentativa de Andy Murray de se tornar o primeiro britânico a se sagrar campeão em Wimbledon desde 1936, e grandes vitórias no rugby e no ciclismo neste sábado alimentaram as esperanças para a final de domingo.

Fred Perry foi o último britânico a conquistar o cobiçado troféu masculino 77 anos atrás, em um ano no qual Eduardo 8º abdicou para se casar com Wallis Simpson, o caça Spitfire fez seu primeiro voo e Adolf Hitler inaugurou a 11ª Olimpíada em Berlim.

O escocês Murray irá se confrontar com o número um do mundo, o sérvio Novak Djokovic, em sua segunda final de Wimbledon - no ano passado ele perdeu para Roger Federer.

A procura por ingressos para a final masculina disparou desde que Murray, de 26 anos, derrotou o polonês Jerzy Janowicz na semi de sexta-feira.

O site de ingressos viagogo diz que os bilhetes alcançaram o valor recorde de 71 mil libras (cerca de 239 mil reais) o par.

Obstinados fãs de tênis estavam acampando durante a noite - e alguns estão acampados durante todo o torneio - para garantir que sejam os primeiros na fila para comprar os bilhetes não utilizados colocados à venda.

A rainha indiscutível da fila, Sue Callaghan, 60 anos, de Surrey, que monta acampamento há 40 anos em todos os torneio de Wimbledon, disse não pensa que Murray possa perder.

"Eu adoro vir a Wimbledon a cada ano e por isso espero que este seja o ano de Murray. Ele merece isso", Callaghan disse à Reuters em um dia escaldante de verão quente fora de sua barraca com a estampa da bandeira da Grã-Bretanha.