Tottenham paga 30 milhões de euros ao Valencia por Soldado

quinta-feira, 1 de agosto de 2013 11:32 BRT
 

LONDRES, 1 Ago (Reuters) - O Tottenham Hotspur chegou a um acordo com o Valencia pelo atacante Roberto Soldado e vai pagar rescisão contratual de 30 milhões de euros (39,84 milhões de dólares) para contratar o jogador, disse o clube espanhol nesta quinta-feira.

"O Valencia chegou a um acordo com o Tottenham Hotspur Football Club, na pendência do exame médico correspondente, para a transferência de Roberto Soldado pelo montante equivalente ao de sua cláusula de rescisão", disse o clube em um comunicado em sua página na Internet.

Um porta-voz do Valencia disse à Reuters que o valor da transferência foi de 30 milhões de euros, valor recorde para o clube do norte de Londres.

O clube londrino já tinha gasto cerca de 17 milhões de libras (25,94 milhões de dólares) para comprar o meia brasileiro Paulinho, do Corinthians, no mês passado, um valor similar ao que pagou ao Blackburn Rovers pelo meia David Bentley em 2008.

O presidente do Valencia, Amadeo Salvo, confirmou na quarta-feira a existência de um acordo entre os clubes, mas a transferência não havia sido formalizada devido a pendências com os agentes do jogador.

"O clube deseja a Roberto boa sorte nessa nova fase profissional e também gostaria de salientar o profissionalismo e excelente desempenho do jogador nas partidas em que vestiu a camisa do Valencia", acrescentou o clube espanhol.

Soldado, de 28 anos, marcou 30 gols em 46 jogos pelo Valencia na temporada passada. Ele faz parte de um número crescente de jogadores espanhóis que estão deixando sua terra natal para jogar no Campeonato Inglês.

Oito jogadores da seleção espanhola que disputou a Copa das Confederações no Brasil vão atuar na Inglaterra na próxima temporada.

Soldado iniciou sua carreira no time reserva do Real Madrid, onde marcou 63 gols em 120 jogos disputados. Ele jogou 11 vezes pela Espanha, marcando seis gols.

(Por Toby Davis e Iain Rogers)

 
Jogador Roberto Soldade durante partido do Valencia contra o Real Madrid pelas quartas de final da Copa do Rei, no estádio Santiago Bernabéu, em Madri. O Tottenham Hotspur chegou a um acordo com o Valencia pelo atacante e vai pagar rescisão contratual de 30 milhões de euros (39,84 milhões de dólares) para contratar o jogador, disse o clube espanhol nesta quinta-feira. 15/01/2013. REUTERS/Susana Vera