Com salto acima dos 7 metros, Brittney Reese se torna tricampeã mundial em Moscou

domingo, 11 de agosto de 2013 16:47 BRT
 

MOSCOU, Ago (Reuters) - Com um grande salto final, Brittney Reese brilhou no Mundial de Atletismo de Moscou e se tornou a primeira mulher a ser tricampeã do mundo em saldo em distância neste domingo.

Campeã em Berlim 2009 e em Daegu 2011, Brittney se classificou para a final com uma performance abaixo do esperado, mas a norta-americana mostrou que não tinha intenção de perder a coroa e saltou 7,01m para ficar com o título.

Foi o único salto acima de 7 metros em toda a competição, deixando a nigerianana Blessing Okagbare, que chegou a liderar a prova na primeira rodada, com 6,99m e a prata.

A sérvia Ivana Spanovic acabou com o bronze e um recorde nacional de 6,82m, empatada com a bielorrussa Volha Sudarava, que ficou de fora do pódio pelos critérios de desempate.

Antes de comemorar, Brittney Reese, conhecido como a "fera do salto em distância", vestiu uma camisa com a frase "solte a fera", abraçou Okagbare e, com a bandeira norte-americana em punho, posou para os fotógrafos.

(Por Alison Wildey)

 
Norte-americana Brittney Reese salta na final do salto em distância pelo Campeonato Mundial de Atletismo, no estádio Luzhniki, em Moscou. Com um grande salto final, Reese brilhou no Mundial de Atletismo de Moscou e se tornou a primeira mulher a ser tricampeã do mundo em saldo em distância neste domingo. 11/08/2013. REUTERS/Dominic Ebenbichler