Gomez e Klose são as primeiras opções para ataque alemão, diz técnico

terça-feira, 13 de agosto de 2013 10:34 BRT
 

13 Ago (Reuters) - Mario Gomez e Miroslav Klose são as primeiras opções para o ataque da seleção alemã na reta final dos preparativos para a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, disse o técnico Joachim Loew nesta terça-feira.

"Se não tivermos nenhuma lesão, se não houver nenhuma grande queda na forma física, Gomez e Klose são nossas primeiras opções, nossas prioridades", disse Loew a jornalistas antes do amistoso de quarta-feira contra o Paraguai em Kaiserslautern.

Os dois atletas atuam na Itália. Klose, de 35 anos, joga na Lazio, e Gomez, de 28, acaba de trocar o Bayern de Munique pela Fiorentina.

Loew citou como outras opções Stefan Kiessling e Max Kruse, mas disse que também poderia usar outros jogadores, como o meia ofensivo Mario Goetze, nessa posição.

"(São) jogadores rápidos, velozes, capazes de arrastar um defensor fisicamente maior para fora da posição", explicou.

O veterano Klose, que já disputou 127 partidas pela seleção desde 2001, pode igualar ou mesmo superar na quarta-feira o recorde de 68 gols pelo time nacional, que pertence a Gerd Mueller. Gomez também deve entrar em campo contra o Paraguai, mas Loew disse que ainda não sabe quem serão os titulares.

"Vou esperar até o treino de hoje à noite para decidir", afirmou. "Ambos estão vindo dos preparativos da pré-temporada com seus clubes. Na Itália é um pouco diferente. Longas fases de treinamento de até três semanas e muito trabalho de força. Acho que talvez cada um deles jogue pelo menos um tempo, ou pelo menos que ambos joguem."

Por outro lado, os meias Ilkay Guendogan (com uma lesão nas costas) e Marco Reus (com febre) são dúvida para o jogo.

(Reportagem de Karolos Grohmann)

 
Técnico da seleção da Alemanha, Joachim Loew, comparece a coletiva de imprensa antes de partida contra o Cazaquistão pelas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, em Astana. Mario Gomez e Miroslav Klose são as primeiras opções para o ataque da seleção alemã na reta final dos preparativos para a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, disse o técnico Joachim Loew nesta terça-feira. 21/03/2013. REUTERS/Shamil Zhumatov