Japão se queixa por cartum francês que associa Fukushima a Olimpíada

quinta-feira, 12 de setembro de 2013 10:39 BRT
 

TÓQUIO, 12 Set (Reuters) - O governo japonês anunciou nesta quinta-feira que prepara uma queixa formal sobre um cartum publicado num semanário francês, associando o acidente nuclear de Fukushima à escolha de Tóquio como sede da Olimpíada de 2020.

O cartum, publicado no jornal satírico Le Carnard Enchainé, mostra dois lutadores de sumô --um com três braços, outro com três pernas-- em frente à usina destruída por um tsunami em 2011, enquanto um locutor diz: "Graças a Fukushima, o sumô é agora um esporte olímpico".

Tóquio foi escolhida no sábado pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) como sede da Olimpíada de 2020, após o governo japonês apresentar garantias de que o vazamento de radiação na usina está "sob controle".

Yoshihide Suga, chefe de gabinete do governo japonês, disse que o cartum francês "magoou os sentimentos daqueles que sofreram no Grande Terremoto do Leste do Japão", afirmou ele, referindo-se ao sismo, acompanhado de tsunami, que causou o maior acidente nuclear no mundo em um quarto de século.