Nadal fica a uma vitória de recuperar topo do ranking mundial

sábado, 5 de outubro de 2013 10:44 BRT
 

4 Out (Reuters) - Rafael Nadal está a uma vitória de voltar a ser o tenista número 1 do mundo, após sobreviver a um grande susto provocado pelo italiano Fabio Fognini nas quartas de final do Aberto da China, nesta sexta-feira.

O espanhol voltará ao topo do ranking se chegar à final em Pequim, independentemente do desempenho do atual número 1, Novak Djokivc, na mesma competição.

Nadal, que conquistou seu 13º título de Grand Slam ao vencer o Aberto dos EUA no mês passado, não ocupa a liderança do ranking mundial desde julho de 2011. Em 2013 ele também venceu o Aberto da França.

Fognini, número 19 do mundo, quase jogou um balde de água fria sobre o espanhol ao vencer o primeiro set por 6-2 e ficar a uma bola de abrir vantagem de 5-1 na segunda parcial, mas permitiu que Nadal se recuperasse de forma incrível para vencer o jogo por 2 sets a 1 (2-6, 6-4 e 6-1), apesar de reclamar de dores no joelho.

"Isso (ser número 1) não é algo que aumente a pressão para mim", disse Nadal, que enfrentará Tomas Berdych ou John Isner nas semifinais. "Isso já aconteceu no passado. Se acontecer de novo, será bom, será especial, mas vamos ver."

O sérvio Djokovic, atual campeão na China, enfrenta o norte-americano Sam Querrey nas quartas de final.

(Por Sudipto Ganguly)