Massa e Hulkenberg são favoritos para vaga na Lotus

quinta-feira, 10 de outubro de 2013 18:38 BRT
 

SUZUKA, Japão, 10 Out (Reuters) - Felipe Massa e Nico Hulkenberg são os favoritos para substituir Kimi Raikkonen na Lotus na próxima temporada da Fórmula 1, mas a equipe primeiro deve assegurar novas fontes de investimento, disse o chefe da equipe, Eric Boullier, nesta quinta-feira.

"Hulkenberg e Massa são os dois pilotos que se deve considerar por causa da experiência e perfil deles", disse o francês à Reuters em Suzuka, onde acontece no fim de semana o Grande Prêmio do Japão.

O alemão Hulkenberg, atualmente na Sauber, sua terceira equipe em três temporadas, disse a repórteres no Japão que queria resolver logo seu futuro.

"O que tenho dito basicamente é que eu gostaria de ter isso esclarecido e certo até o final de outubro", disse.

Boullier espera que isso seja possível, mas disse que vai depender se a equipe, vencedora de títulos com nome Benetton e Renault, vai conseguir fechar acordos há muito esperados com parceiros.

A Lotus anunciou em junho que o consórcio Infinity Racing, de investidores privados, incluindo um gestor de um fundo de investimentos dos EUA e um grupo multinacional baseado em Abu-Dhabi, havia comprado 35 por cento de participação.

A equipe depois reconheceu que o acordo ainda tinha que ser finalizado.

"Queremos agora concluir essa história com nosso parceiro Infinity, pois isso deve nos permitir pelo menos estarmos garantidos para darmos o próximo passo", disse Boullier.

"Há esse acordo e também outro grande acordo de patrocínio que está sendo discutido e eu acho que estamos quase lá. Uma vez que fechemos isso, poderemos bancar qualquer piloto que quisermos.

"Pode ser amanhã, pode ser daqui a uma semana, mas... eu não vou trazer Nico se não pudermos bancá-lo."

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
Piloto brasileiro Felipe Massa fotografado durante evento promocional antes do Grande Prêmio de Cingapura de F1. Felipe Massa e Nico Hulkenberg são os favoritos para substituir Kimi Raikkonen na Lotus na próxima temporada da Fórmula 1, mas a equipe primeiro deve assegurar novas fontes de investimento, disse o chefe da equipe, Eric Boullier, nesta quinta-feira. 18/09/2013. REUTERS/Tim Chong