Cantora Sheryl Crow viu Armstrong se dopar, diz livro

quinta-feira, 10 de outubro de 2013 18:38 BRT
 

10 Out (Reuters) - A cantora vencedora do Grammy Sheryl Crow viu o ciclista Lance Armstrong receber uma transfusão de sangue ilícita e depois contou a investigadores federais sobre o que tinha presenciado, de acordo com um novo livro.

O jornal New York Daily News, citando um livro dos repórteres do Wall Street Journal Albergotti Reed e Vanessa O'Connell, informou que Crow, que estava namorando Armstrong à época da transfusão em 2004, colaborou com os investigadores.

"Ele confiou que Crow não teria vontade de dizer à imprensa ou qualquer outra pessoa sobre o programa de doping da equipe", escreveram os dois autores em "Wheelmen: Lance Armstrong: the Tour de France and the Greatest Sports Conspiracy Ever."

"Ele explicou que era simplesmente parte do esporte -- que todos os ciclistas estavam fazendo a mesma coisa."

Armstrong perdeu seus sete títulos do Tour de France e foi banido para sempre do ciclismo no ano passado, após acusações de que ele tinha usado doping durante anos. Em janeiro, ele admitiu o uso de drogas que melhoram o desempenho em entrevista à apresentadora de TV Oprah Winfrey.

(Reportagem de Andrew Tanto em Cary, Carolina do Norte)