Técnico da França convoca Evra para eliminatórias da Copa

quinta-feira, 7 de novembro de 2013 15:07 BRST
 

Por Julien Pretot

PARIS, 7 Nov (Reuters) - O técnico da seleção francesa, Didier Deschamps, encerrou as polêmicas envolvendo Patrice Evra e convocou o jogador do Manchester United, nesta quinta-feira, para enfrentar a Ucrânia nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2014.

Evra foi inocentado pela federação francesa após ter chamado os ex-jogadores da França Luis Fernandez e Bixente Lizarazu de "vagabundos" em uma entrevista no mês passado.

"Ele estava disponível, então eu decidi chamá-lo", disse Deschamps, que além de Evra só incluiu o meia do Lille Rio Mavuba em relação ao elenco que venceu a Austrália por 6 x 0 em amistoso e a Finlândia por 3 x 0 na última partidas das eliminatórias europeias para o Mundial.

"Eu e os jogadores estamos focados em algo muito importante para nós. Vocês podem escrever o que quiserem. Internamente nós estamos focados no esporte."

Diante da insistência dos repórteres no tema, Deschamps acrescentou: "Eu escolho por critérios esportivos. Vocês podem escrever o que quiserem."

A seleção da França esteve envolvida em uma série de polêmicas fora de campo nos últimos tempos.

Em 2010, vários jogadores, incluindo o então capitão Evra, foram excluídos da equipe por envolvimento numa greve realizada em apoio ao atacante Nicolas Anekla, que havia insultado o técnico Raymond Domenech.

Depois da Euro-2012, o meia Samir Nasri também foi punido, por insultar um repórter após a eliminação da equipe nas quartas de final.

Dentro das quatro linhas, a França aposta no talento de Franck Ribéry para eliminar a Ucrânia na repescagem e garantir vaga na Copa do Mundo de 2014 no Brasil. Os dois jogos serão nos dias 15 e 19 de novembro.