21 de Novembro de 2013 / às 17:23 / 4 anos atrás

Vettel busca mais recordes no Brasil; Webber deixa a F1

Por Tatiana Ramil

SÃO PAULO, 21 Nov (Reuters) - O Grande Prêmio do Brasil de F1 este ano é marcado pela tentativa de Sebastian Vettel de conquistar mais recordes em uma temporada perfeita, enquanto o companheiro de equipe na Red Bull, Mark Webber, se despede da Fórmula 1 no domingo, aos 37 anos.

Tetracampeão mundial de F1 mais jovem, aos 26 anos, com o título conquistado por antecipação em 2013, e dono do recorde de oito vitórias seguidas numa temporada, Vettel busca outros feitos em Interlagos. Se vencer, o alemão iguala o recorde de 13 vitórias numa temporada registrado por Michael Schumacher em 2004, e pode também igualar o recorde de nove vitórias consecutivas alcançado há 60 anos pelo italiano Alerto Ascari em 1952-1953.

Numa temporada em que dominou completamente, Vettel ignora até a previsão de chuva para domingo em São Paulo.

“Estamos prontos para o que vier... Esta corrida é sempre uma loucura! Na verdade, é uma volta muito curta e é muito difícil de ultrapassar em Interlagos”, disse Vettel.

“A corrida longa, com mais de 70 voltas, coloca muita carga em seu pescoço por causa das curvas longas para a esquerda”, afirmou, acrescentando que o circuito tem o “incomum” sentido anti-horário.

Para Webber, que não venceu nenhuma prova neste ano, chegou a hora de dizer adeus à categoria que ele disputou por 12 anos. Domingo, o australiano completa seu 215º e último GP. Ele disputará as 24 Horas de Le Mans e o Campeonato Mundial de Endurance (WEC) a partir de 2014 pela Porshe.

“Acredito que domingo vai ser um pouco diferente, mas ainda sinto como se fosse uma corrida normal no momento”, afirmou Webber em entrevista coletiva nesta quinta-feira em Interlagos.

“Estou pronto para parar e ansioso para ter novos desafios”, declarou o australiano, para depois admitir que sentirá falta de algumas coisas na F1.

“Há certas situações na Fórmula 1 que são super recompensadoras. Obviamente pilotar o carro no limite ainda é muito satisfatório, sem dúvida.”

Em seus 12 anos de F1, Webber soma nove vitórias, 13 pole positions, 18 voltas mais rápidas e 41 pódios.

Para o GP do Brasil, Vettel é o favorito, como foi durante toda a temporada. O alemão já venceu em Interlagos em 2010, mas o histórico de Webber nessa pista não deve ser desprezado. Ele venceu no Brasil em 2009 e em 2011 e foi o segundo colocado em 2010.

Domingo também será um dia de outras despedidas. Dos motores V8, de 2,4 litros, que serão substituídos no próximo ano por modelos V6 turbo, e de Felipe Massa, que faz sua última corrida pela Ferrari, após oito anos e 11 vitórias.

“É um lugar fantástico de se correr e encerro um período incrível com a Ferrari. Espero que possamos aproveitar esta última corrida aqui”, disse Massa, que vai pilotar pela Williams a partir de 2014 e destacou a importância da manutenção de um piloto brasileiro no grid.

“Temos muitos pilotos na história (da F1), muitos campeonatos, muitas vitórias. Para o Brasil, Fórmula 1 é muito importante. Temos automobilismo no sangue. Não estamos tendo um bom momento no Brasil para as categorias menores, então acredito que é importante ajudar em nosso futuro”, acrescentou.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below