Brawn deixa cargo de diretor da Mercedes F1

quinta-feira, 28 de novembro de 2013 10:11 BRST
 

Por Alan Baldwin

LONDRES, 28 Nov (Reuters) - Ross Brawn vai deixar o cargo de diretor da equipe Mercedes da Fórmula 1 no final do ano, disse a Mercedes em nota na quinta-feira.

Brawn, de 59 anos, distribuirá suas responsabilidades entre os diretores-executivos Toto Wolff (negócios) e Paddy Lowe (técnico). As especulações sobre o futuro dele já vinham desde o começo da temporada, em março.

"A consideração mais importante na minha decisão de deixar o cargo de diretor da equipe foi assegurar que era a hora certa para a equipe a fim de assegurar seu sucesso futuro", disse Brawn em nota.

Brawn é uma das figuras mais vitoriosas e respeitadas do automobilismo, depois de vencer uma série de campeonatos da F1 com três equipes diferentes.

 
Diretor da equipe de Fórmula 1 Mercedes, Ross Brawn, durante sessão de treinos para o Grande Prêmio da Alemanha, no circuito de Nuerburbring. 5/07/2013. REUTERS/Kai Pfaffenbach