3 de Dezembro de 2013 / às 19:08 / 4 anos atrás

SAIBA MAIS-Conheça a seleção de Portugal na Copa

Cristiano Ronaldo brinca com a bola antes de partida de Portugal contra a Suécia, em Estocolmo. 19/11/2013Erik Martensson/TT News Agency

LISBOA, 3 Dez (Reuters) - Veja abaixo informações sobre a seleção de Portugal, uma das participantes do sorteio das chaves da Copa do Mundo de 2014, marcado para a sexta-feira na Costa do Sauípe.

Desempenho e prognósticos

O ânimo entre os portugueses dificilmente poderia ser maior, com a chegada da seleção do país ao seu oitavo torneio internacional em grande estilo, com o astro e capitão Cristiano Ronaldo marcando os quatro gols na vitória por 4 x 2 na soma dos dois placares da repescagem contra a Suécia.

Mas a realidade é que os portugueses tiveram dificuldade para garantir vaga no Mundial, com empates inesperados contra Irlanda do Norte e Israel, o que levou a equipe para a repescagem depois de perder a vaga direta para a Rússia, que terminou em primeiro no Grupo F das eliminatórias europeias.

Portugal também chegou às suas duas últimas competições internacionais --a Copa do Mundo de 2010 e a Eurocopa de 2012-- depois de vitórias na repescagem sobre a Bósnia.

Seleção bastante técnica, Portugal deve conseguir pelo menos passar para as oitavas de final. Em um bom dia, no entanto, os portugueses podem vencer qualquer adversário e no Mundial no Brasil podem superar sua melhor colocação em Copas, o terceiro lugar na Inglaterra em 1966, quando contavam com Eusébio, maior jogador da história do Benfica.

Fazer um jogo de posse de bola está no DNA da seleção de Portugal, especialmente jogadas para superar as defesas adversárias com passes curtos. Atualmente, eles também têm conseguido misturar esses passes curtos com bolas mais longas, aproveitando a velocidade de jogadores como Cristiano Ronaldo e Nani para chegar ao gol rival.

Depois de Cristiano Ronaldo, o meia João Moutinho, um motor do meio-campo português, tem sido o atleta mais influente da equipe, ditando o ritmo do jogo, roubando bolas de forma incansável e dando assistências fundamentais.

João Pereira e Fábio Coentrão são dois laterais com grande energia que gostam de apoiar o ataque, e Portugal tem em Pepe e Bruno Alves uma dupla de zaga intensa e que joga firme.

Embora Cristiano Ronaldo seja capaz de marcar um gol do nada, o técnico da seleção portuguesa, Paulo Bento, reconheceu que a equipe tem um problema crônico de desperdiçar oportunidades de marcar gols, com os atacantes Hélder Postiga e Hugo Almeida particularmente falhando com muita frequência no momento de finalizar as jogadas.

Jogadores experientes como Raul Meireles (30 anos), Bruno Alves (31 anos), Postiga (31 anos), Nani (27 anos) e Miguel Veloso (27 anos) são parte de uma geração que levou Portugal ao quarto lugar na Copa do Mundo de 2006, na Alemanha, e às semifinais da Eurocopa de 2012.

Técnico: Paulo Bento

Um combativo volante quando jogador, Paulo Bento leva Portugal para o segundo grande torneio desde que assumiu o comando da seleção.

Os torcedores às vezes o criticam pelo que consideram ser uma abordagem conservadora, mantendo a base de jogadores ao longo das eliminatórias e sendo cauteloso em suas substituições. Mas o fato é que até agora ele tem sido bem sucedido.

Ele juntou os cacos quando as esperanças portuguesas para se classificar para a Eurocopa de 2012 pareciam perdidas e foi chamado de "o milagreiro", classificando Portugal duas vezes na repescagem.

Bento, de 44 anos, também se envolveu em controvérsias, como disputas com o zagueiro Ricardo Carvalho e o lateral José Bosingwa, que deixaram de ser convocados para a seleção em seu período à frente do time.

Jogador-chave: Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo será, sem sombra de dúvida, uma das principais estrelas do torneio.

Ele falhou em brilhar em grandes competições no passado, marcando somente um gol na Eurocopa de 2008 e nos Mundiais da Alemanha, em 2006, e da África do Sul, em 2010.

Mas ele elevou seu jogo na Eurocopa de 2012, marcando três vezes antes de Portugal ser eliminado pela Espanha, que levantaria a taça, na semifinal.

Agora com 28 anos e no auge de sua forma física, seus gols se mostraram cruciais para Portugal nas eliminatórias. Por duas vezes ele marcou três gols numa única partida e elevou sua marca de gols anotados pela seleção a 47, igualando Pauleta como maior artilheiro da história da seleção portuguesa.

Com 109 partidas pela seleção, 18 a menos do que o recordista do time nacional de Portugal, Luís Figo, Cristiano Ronaldo, nascido na Ilha da Madeira, parece estar a caminho de quebrar todos os recordes com a camisa da seleção de seu país.

O dinamismo de Cristiano Ronaldo parece maior do que já mais esteve com sua velocidade, dribles e precisão na finalização aparecendo com grandes chances de ganhar as manchetes em meados do ano que vem, assim como sua rivalidade com o argentino Lionel Messi.

Histórico em Copas

Participações anteriores: 5 (1966, 1986, 2002, 2006 e 2010)

Melhores campanhas: Semifinais 1966 (3º lugar) e 2006 (4º lugar)

Por Daniel Alvarenga

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below