Guangzhou bate Al Ahli e encara Bayern na semifinal do Mundial de Clubes

sábado, 14 de dezembro de 2013 17:36 BRST
 

Por Brian Homewood

AGADIR, Marrocos, 14 Dez (Reuters) - O campeão asiático Guangzhou Evergrande bateu o campeão africano Al Ahli por 2 x 0 com gols de sul-americanos neste sábado, garantindo ao time uma glamurosa semifinal com o Bayern de Munique no Mundial de Clubes.

O meia-atacante brasileiro Elkeson e o argentino Dario Conca marcaram gols no segundo tempo para o time chinês treinado pelo técnico italiano e campeão mundial Marcello Lippi.

Oito vezes campeão africano, o Al Ahli pareceu sofrer com a falta de partidas, suspensas no Egito desde a tragédia no estádio Port Said no ano passado.

Mohamed Aboutrika, do Al Ahli, um dos maiores jogadores africanos de sua geração e possivelmente fazendo a última participação de sua carreira, perdeu uma chance boa no começo do embate e foi substituído no intervalo após uma atuação apagada.

Os egípcios, apoiados por vários milhares de torcedores entoando versões árabes de canções futebolísticas argentinas, receberam uma oportunidade extraordinária no início do jogo, quando o goleiro Zeng Cheng, do Guangzhou, chutou um tiro de meta diretamente em Emad Moteab.

Ele lançou a bola no meio campo e Aboutrika, de 35 anos, de alguma maneira cabeceou à queima-roupa diante de um gol aberto.

O Guangzhou abriu o placar aos quatro minutos da etapa complementar, quando uma iniciativa de Muriqui foi interrompida em cima na linha por Ahmed Fathy, mas Elkeson deu sequência e bateu no teto da rede.

Muriqui, que poderia ter ampliado a vantagem do Guangzhou ao chutar a bola muito longe do gol depois de limpar a defesa, participou do segundo gol aos 23 minutos do segundo tempo.

Desta vez ele se colocou à frente de dois zagueiros e viu seu tiro ser salvo por Ekramy, mas Conca em seguida conferiu.

O Guangzhou encara o campeão europeu Bayern na terça-feira.