Ex-astro da NBA vai à Coreia do Norte para jogo no aniversário de Kim

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014 20:13 BRST
 

Por Maxim Duncan

PEQUIM, 6 Jan (Reuters) - O ex-astro de basquete da NBA Dennis Rodman chegou nesta segunda-feira à Coreia do Norte com uma equipe de jogadores profissionais do esporte, já aposentados, para a comemoração do aniversário do líder norte-coreano, Kim Jong Un.

Essa é a quarta viagem de Rodman à capital norte-coreana, Pyongyang, onde ele e sua equipe de ex-colegas famosos da Associação Nacional de Basquete (NBA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos vão realizar jogos no aniversário de Kim, que se estima será na quarta-feira, embora a data nunca tenha sido confirmada oficialmente.

Em visitas anteriores, Rodman foi convidado a jantar com Kim, com quem diz manter uma amizade genuína, embora não tenha encontrado o líder norte-coreano na sua terceira visita. Rodman, porém, afirmou que não vai se meter na política do país.

"As pessoas sempre dizem que a Coreia do Norte é como um país comunista de fato, que as pessoas não têm permissão para ir lá", disse Rodman a repórteres num aeroporto de Pequim. "Eu só conheço o fato de que, sabe, comigo ele é um cara legal, comigo", disse ele sobre Kim.

"O que quer que ele faça em política, não é assunto meu. Sou apenas um atleta, um sujeito que quer ir lá e jogar algo pelo mundo. É isso", acrescentou.

A visita ocorre num momento em que o governo dos Estados Unidos está tentando obter a libertação de Kenneth Bae, um norte-americano-coreano que trabalhava como missionário cristão até ser preso na Coreia do Norte e condenado em maio sob a acusação de crimes contra o Estado.

(Reportagem adicional de Jonathan Allen, em Nova York; e de David Brunnstrom, em Washington)