Djokovic busca "vantagem mental" em parceira com Becker

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 11:54 BRST
 

Por Ian Ransom

MELBOURNE, 9 Jan (Reuters) - A primeira missão de Boris Becker como técnico de Novak Djokovic será ajudar o tenista sérvio a conseguir "vantagem mental" quando estiver sob pressão nos Grand Slams, disse o atual campeão do Aberto da Austrália em Melbourne, nesta quinta-feira.

Djokovic, que vai buscar o quarto título seguido no Melbourne Park a partir de segunda-feira, anunciou no mês passado a contratação como técnico do alemão hexacampeão de Grand Slams para esta temporada.

Becker, de 46 anos, observou atentamente o torneio amistoso Kooyong Classic, em que Djokovic se preparou para o primeiro Grand Slam do ano com uma vitória por 7-5 e 6-1 sobre o argentino Juan Mónaco, número 42 do ranking mundial.

"Estou realmente feliz e honrado por ter Boris em nossa equipe como meu técnico", disse Djokovic em entrevista ao lado da quadra do Kooyong Lawn Tennis Club, que já foi sede do Aberto da Austrália até 1987.

"Sinceramente espero que ele possa trazer uma vantagem mental, porque ele reconhece as situações que um jogador de ponta enfrenta, especialmente durante os Grand Slams e a pressão e as expectativas, e os momentos decisivos", acrescentou.

"É nisso que mais esperamos trabalhar e melhor. E claro em alguns outros elementos do meu jogo. Eu nunca vou sacar tão bem quanto ele sacava, mas eu posso ao menos melhorar."

 
Novak Djokovic, da Sérvia, devolve a bola para David Ferrer, da Espanha, durante a final do Campeonato Mubadala em Abu Dhabi, Emirados Árabes. 28/12/2013 REUTERS/Rula Rouhana