9 de Janeiro de 2014 / às 18:59 / em 4 anos

Diária de hotel no Rio para Espanha x Chile custa mais que para final da Copa

RIO DE JANEIRO, 9 Jan (Reuters) - Se hospedar no Rio de Janeiro para assistir a partida entre Espanha e Chile, pela primeira fase da Copa do Mundo, está mais caro que ficar em um dos hotéis da cidade para acompanhar a final do Mundial, segundo uma pesquisa feita pelo Trivago, site especializado em comparações preços de acomodações em todo o mundo.

Já uma diária em São Paulo para assistir a abertura da Copa no dia 12 de junho custará cerca de metade dos valores cobrados para o jogo da campeã mundial Espanha contra o Chile e da final no Maracanã.

De acordo com o levantamento, a data do mais elevado preço médio de hospedagem entre as 12 cidades-sede da Copa do Mundo é o dia 18 de junho, quando vão jogar no Maracanã a campeã mundial Espanha contra o Chile, pela segunda rodada do grupo B.

O valor médio de uma acomodação no Rio de Janeiro nessa data é de 1.519 reais, de acordo com o Trivago. Esse valor é 5 por cento mais caro que uma hospedagem, a valores atuais, para a final da Copa do Mundo. Ainda com adversários indefinidos, a decisão do Mundial tem acomodações custando hoje 1.441 reais em média.

Uma hospedagem em Salvador no dia 13 de junho, para assistir a revanche da final da Copa da África do Sul entre Espanha e Holanda, está mais barata que a data reservada para o jogo entre espanhóis e chilenos e que para a final da Copa do Mundo: 947 reais.

Segundo a pesquisa, a rede hoteleira parece não estar muito animada com partidas envolvendo seleções de menor expressão e com poucas chances de brilhar no Mundial do Brasil.

A hospedagem mais barata para a Copa do Mundo foi verificada no dia 19 de junho, na cidade de Natal, onde jogarão Japão e Grécia. Nessa data, a hospedagem na capital potiguar para ver o jogo válido pelo grupo C da Copa custa 468 reais.

A acomodação na cidade de São Paulo para assistir o jogo de abertura do Mundial, em 12 de junho entre Brasil e Croácia, custará 775 reais, quase metade do custo médio de uma diária no Rio para acompanhar a final.

Com a procura maior por vagas, os hotéis das cidades-sede aproveitam para aumentar os preços das suas diárias durante a Copa, segundo o levantamento.

Em Salvador, por exemplo, o valor médio das acomodações para qualquer noite de junho antes do início da Copa é de 281 reais e, no Rio de Janeiro, as tarifas para este mesmo período são, em média, de 430 reais.

Durante a Copa, esses valores ficam maiores e o preço médio no Rio de Janeiro passa para 1.142 reais, enquanto em Salvador salta para 881 reais.

Segundo a pesquisa, depois do fim do Mundial os preços das diárias nos hotéis dessas cidades voltam a cair. Já no dia seguinte à final, uma diária no Rio de Janeiro baixará para 517 reais e em Salvador para 265 reais.

O Trivago é o maior site do mundo para procura de hotéis, comparando preços de mais de 700 mil hotéis em mais de 200 sites de reserva no mundo inteiro.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below