Chefe da ONU faz apelo por igualdade e não-discriminação nos Jogos de Inverno

sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 20:46 BRST
 

NAÇÕES UNIDAS, 31 Jan (Reuters) - O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu aos participantes dos Jogos de Inverno de 2014, em Sochi, na Rússia, que defendam a igualdade e a não-discriminação durante o evento, no mês que vem.

"Os participantes dos Jogos de Sochi podem carregar as bandeiras de muitos países, mas eles estão juntos sob a bandeira compartilhada da igualdade, jogo limpo, respeito mútuo e não discriminação", disse Ban num comunicado em que buscou uma trégua durante os Jogos de Sochi, bem como os Jogos Paralímpicos, em março.

Ele pediu a "todos os envolvidos nos Jogos - governos, grupos, organizações e indivíduos - que preservem e defendam esses ideais centrais olímpicos".

Em junho, a Rússia provocou críticas e pedidos de boicote aos Jogos quando proibiu a divulgação de "propaganda gay" para crianças. Críticos denunciaram a lei como discriminatória e afirmam que se trata de uma limitação dos direitos de livre expressão e reunião.

(Reportagem de Michelle Nichols)