COI retira suspensão e Índia retorna aos Jogos Olímpicos

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014 09:45 BRST
 

Por Karolos Grohmann

SOCHI, 11 Fev (Reuters) - A Índia retornou ao seio olímpico após o Comitê Olímpico Internacional retirar nesta terça-feira um banimento contra a associação olímpica do país, e os atletas indianos agora vão poder caminhar com a sua bandeira na cerimônia de encerramento dos Jogos de Inverno de Sochi.

Os atletas do país tem competido na Rússia sob a bandeira olímpica por causa da suspensão, imposta após uma eleição de 2012 para a Associação Olímpica Indiana (AOI) em que uma autoridade com reputação de corrupção foi escolhido como secretário-geral.

"É a primeira vez na história da Olimpíada que uma suspensão de uma Comitê Olímpico Nacional foi retirada durante os Jogos", disse a jornalistas o porta-voz do COI Mark Adams.

Ele disse que o COI discutiu a questão na manhã de terça-feira e decidiu que a eleição conduzida no domingo havia satisfeito todos os critérios para a imediata reinserção do país.

"Nós observamos a assembleia-geral (no domingo). Estamos felizes com as mudanças", disse Adams, acrescentando que o pré-requisito do COI de proibir qualquer pessoa envolvida em corrupção de participar das eleições foi integralmente atendido.

No domingo, a AOI votou em uma nova diretoria e o diretor da Federação Mundial de Squash, N. Ramachandran, foi eleito presidente, abrindo caminho para a reintegração olímpica do segundo maior país do mundo.

O diretor da Associação de Tênis da Índia, Anil Khanna, foi eleito tesoureiro na votação que marcou a saída da AOI de Abhay Singh Chautala, envolvido em corrupção, e Lali Bhanot.