Mourinho é 'um chato mandão', diz ex-goleiro do Arsenal

domingo, 16 de fevereiro de 2014 12:11 BRT
 

LONDRES, 16 Fev (Reuters) - José Mourinho, técnico do Chelsea, é "desrespeitoso" e "um mandão" por descrever Arsène Wenger, treinador do Arsenal, como "especialista em fracasso", disse Bob Wilson, ex-goleiro do Arsenal, neste domingo.

Mourinho reagia aos comentários de Wenger, segundo os quais o português estaria minimizando as chances de título do Chelsea por "medo de fracassar".

"Acho que, no seu melhor, é desrespeitoso, e no seu pior, desprezível", declarou Wilson no programa Radio 5 Live da BBC. "Acho que ele é extremamente chato".

Mourinho, que treina o Chelsea pela segunda vez depois de voltar ao clube em junho, irritou uma série de técnicos do campeonato inglês na atual temporada, como Sam Allardyce, do West Ham, e Manuel Pellegrini, do Manchester City.

"Acho que é pessoal," continuou Wilson, que atuou 308 vezes no Arsenal.

"Dizer que o West Ham joga futebol do século 19, insultar Manuel Pellegrini como fez. Este é um final de semana no qual honramos um cavalheiro, Tom Finney (ídolo do futebol inglês falecido em 14 de fevereiro aos 91 anos), não gosto de mandões".

Mourinho e Wenger têm uma relação conflituosa desde que o primeiro chamou o francês de "voyeur" em 2005 por ele ter falado repetidamente sobre o Chelsea na mídia.

Wilson gostaria de ver o fim do duelo verbal entre os dois, e acredita que Mourinho deveria seguir o exemplo de Bill Shankly, ex-técnico do Liverpool.

"Ele (Mourinho) é um técnico maravilhoso, extremamente talentoso, mas faz publicidade de si mesmo e a maioria das vezes é incorreto", disse Wilson.   Continuação...