Dilma diz que convidará papa Francisco para a Copa em reunião no Vaticano

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014 12:13 BRT
 

18 Fev (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff disse nesta terça-feira que vai aproveitar uma reunião privada com o papa Francisco, marcada para a próxima sexta no Vaticano, para convidá-lo a vir ao Brasil para a Copa do Mundo.

Dilma vai ao Vaticano prestigiar a designação do arcebispo do Rio de Janeiro, dom Orani Tempesta, como cardeal da Igreja Católica, no sábado. Outros 18 cardeais também serão ordenados durante o chamado consistório, em que se reúnem todos os cardeais do mundo.

"Agora, eu vou também convidá-lo para a Copa do Mundo... Eu torço pelo Brasil. Acho que no fundo, o papa também, diante de outras opções, torce por nós", disse Dilma em entrevista a rádios de Teresina.

Na próxima segunda-feira a presidente vai a Bruxelas participar da 7ª Reunião de Cúpula entre Brasil e União Europeia. A pauta inclui o questionamento europeu ao regime tributário da Zona Franca de Manaus.[ID:nL2N0LJ15C]

(Texto de Felipe Pontes)

((Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223 7146))

REUTERS FP AC