Maradona comentará Copa para canal venezuelano em homenagem a Chávez

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014 19:11 BRT
 

BUENOS AIRES, 24 Fev (Reuters) - Diego Maradona acertou com o canal venezuelano de televisão Telesur como comentarista da Copa do Mundo no Brasil, uma decisão descrita por ele como um tributo a seu amigo Hugo Chávez, ex-presidente que morreu há um ano.

O ex-astro da seleção argentina disse em vídeo divulgado nesta segunda-feira pelas redes sociais que fará parte da equipe do popular jornalista uruguaio Víctor Hugo Morales para o Mundial.

"Chegou o momento emocionante da minha vida de poder assinar este contrato que me liga à Telesur, a meu amigos venezuelanos", disse Maradona, de 53 anos.

"Vamos transmitir todo o Mundial do Brasil para a Telesur, porque assim iria querer o comandante", afirmou ele, em referência a Chávez, que morreu de câncer em 2013.

Maradona, considerado um dos melhores jogadores da história, foi astro do Boca Juniors e do Napoli. Com a seleção argentina, ganhou o Mundial do México, em 1986.

Telesur, um canal regional com base em Caracas, disse que contratou Maradona para participar de seu programa "De Zurda", que será transmitido diariamente durante o torneio, que acontecerá de 12 de junho a 13 de julho.

(Reportagem de Luis Ampuero)