Técnico da Juve chama Prandelli de "mal-educado" por convocação

segunda-feira, 3 de março de 2014 15:48 BRT
 

(Reuters) - O técnico da Juventus, Antonio Conte, reclamou do comportamento mal-educado de seu colega da Itália Cesare Prandelli depois que o defensor Giorgio Chiellini foi convocado para o amistoso de quarta-feira contra a Espanha.

Chiellini, um dos sete jogadores da Juventus na seleção, não joga há três semanas devido a uma lesão muscular e a Juventus disse que planejava continuar com o seu trabalho de recuperação nesta semana.

"Eu esperava ao menos receber uma ligação de Prandelli para me perguntar como ele estava", disse Conte, cuja equipe derrotou o Milan por 2 x 0 no domingo, a repórteres.

"Acho esse tipo de comportamento não muito cortês e não muito educado. Cedemos tantos jogadores para a seleção e aí eles fazem isso e não acho que seja justo."

Chiellini ficou no banco contra o Milan, mas Conte disse que não havia intenção de colocá-lo no campo.

"Chiellini não joga há três semanas, ele começou a treinar de novo na sexta-feira e eu o trouxe para o jogo com o Milan para que pudesse sentir o clima, mas não pensei em usá-lo"."

Prandelli respondeu que não há motivos para não convocar Chiellini, já que ele ficou no banco de reservas no domingo.

"A Juventus esperava um telefonema? Eu espero que eles me liguem", disse ele a repórteres antes de sua equipe voar para Madri. "Quando um jogador está em campo ou no banco, tenho o direito de chamá-lo."

"Ontem à noite, após o jogo, o médico da Juventus enviou uma mensagem para nosso médico dizendo que Giorgio havia treinado normalmente."

 
O técnico da Juventus, Antonio Conte, durante uma partida da Série A do campeonato italiano contra o Hellas Verona em Verona. Conte reclamou do comportamento mal-educado de seu colega da Itália Cesare Prandelli depois que o defensor Giorgio Chiellini foi convocado para o amistoso de quarta-feira contra a Espanha. 09/02/2014 REUTERS/Giorgio Perottino