Cristiano Ronaldo quebra recorde de gols em goleada de Portugal sobre Camarões

quarta-feira, 5 de março de 2014 21:05 BRT
 

5 Mar (Reuters) - Cristiano Ronaldo soube tirar proveito da desorganizada defesa camaronesa ao marcar duas vezes para ajudar Portugal a golear a seleção africana por 5x1 em amistoso nesta quarta-feira e, de quebra, se tornar o maior artilheiro da história da seleção portuguesa.

Ele elevou para 49 o número de gols marcados por Portugal, dois a mais que o recorde anterior estabelecido por Pauleta, numa partida em que os portugueses dominaram os Leões Indomáveis, num encontro entre duas seleções que estarão na Copa do Mundo no Brasil.

Camarões, aliás, está no Grupo do Brasil e enfrentará a seleção brasileira no dia 23 de junho, em Brasília.

"Não me preocupo em quebrar recordes, é algo que acontece naturalmente, com muita dedicação", disse o jogador de 29 anos à emissora RTP.

Camarões foi para o intervalo com a partida empatada, mas ruiu no segundo tempo e sofreu quatro gols em 18 minutos.

Portugal saiu à frente aos 21 minutos, quando João Pereira recuperou a bola e encontrou Cristiano Ronaldo, que passou pelo seu marcador e chutou rasteiro para superar Guy Rolland Ndy Assembe e estabelecer um novo recorde.

Os visitantes ainda não tinham o jogo sob controle a essa altura e Vincent Abubakar empatou aos 43 minutos quando teve tempo de dominar a bola no peito e bater de virada para marcar.

O segundo tempo começou com as duas equipes no ataque e Assembe teve de fazer grande defesa para impedir que Cristiano Ronaldo fizesse um gol de curta distância pouco depois dos 15 minutos da segunda etapa.

Mas a seleção camaronesa ruiu depois de um erro espantoso de Aurelien Chedjou, que deu um passe na defesa diretamente nos pés de Raul Meirelles, e o meio-campista aceitou o presente para colocar Portugal à frente aos 20 minutos da segunda etapa.   Continuação...