Trio de atacantes do Southampton briga por vaga na seleção inglesa

segunda-feira, 31 de março de 2014 15:06 BRT
 

Por Sam Holden

31 Mar (Reuters) - O trio ofensivo do Southampton Adam Lallana, Jay Rodriguez e Rickie Lambert estreou pela seleção da Inglaterra nesta temporada, mas pelo menos um deles deve ser descartado quando o técnico Roy Hodgson anunciar o time que vai disputar a Copa do Mundo.

A boa forma dos atacantes rendeu as primeiras oportunidades na seleção e os colocou com chances de estar entre os 23 jogadores que serão convocados em 2 de junho para o Mundial do Brasil.

Mas, com uma disputa acirrada e Hodgson aparentemente comprometido em montar a base da seleção com jogadores dos times de ponta do país, os atletas do Southampton podem ter seus planos frustrados para os meses de junho e julho.

O trio ofensivo desenvolveu um entrosamento quase telepático e compartilha os gols entre si sem egoísmo, como demonstrado quando cada um deles marcou uma vez na goleada de 4 x 0 sobre o Newcastle United, no sábado.

Patrick Barclay, experiente comentarista britânico de futebol, disse nesta segunda-feira, durante o Fórum Global de Esportes da Reuters, que acha que só o meio-campista Lallana vai partir para o Brasil.

"Lallana vai, mas pode ficar entre ele e (Ross) Barkley (do Everton) para ser titular e criar as jogadas. Lallana entraria na minha lista final de Jogador do Ano", disse Barclay.

A desenvoltura ofensiva do jogador de 25 anos, tanto no centro quanto pelas pontas, lhe rendeu uma legião de admiradores nesta temporada, e ele impressionou em suas três participações na seleção da Inglaterra.

Os atacantes Lambert e Rodriguez formaram uma parceria muito efetiva com Lallana na atual campanha, e os 34 gols dos três no Campeonato Inglês levaram o Southampton à oitava colocação, mas o trio não deve ser mantido para a Copa do Mundo.