Barcelona vai recorrer de decisão da Fifa que o proíbe de contratar

quarta-feira, 2 de abril de 2014 15:58 BRT
 

BARCELONA, 2 Abr (Reuters) - O Barcelona vai apresentar um recurso para tentar derrubar a proibição de atuar no mercado de transferências por violar regras sobre a transferência internacional de jogadores estrangeiros menores de 18 anos, disse o clube nesta quarta-feira.

A Fifa anunciou nesta quarta que suspendeu o Barça do mercado de transferências por duas janelas consecutivas e multou o clube em 450.000 francos suíços (507.900 dólares).

"O FCB irá apresentar o recurso correspondente à Fifa e, se necessário, apresentará a resolução resultante para a Corte Arbitral do Esporte (CAS)", disse o Barça em um comunicado em seu site.

O clube acrescentou que "medidas de precaução adequadas para preservar os direitos do clube" seriam tomadas para garantir que o time não fique fora do mercado de transferências.

O Barcelona disse que a regra que o clube foi acusado pela Fifa de infringir foi projetada para evitar que menores de idade não tenham uma educação adequada.

O clube argumentou que a sua academia, "La Masia", tem sido apontada como um modelo de boas práticas e que não violou qualquer lei civil.

"O FCB cria pessoas antes de criar atletas, fato que não foi considerado pela Fifa, que aplicou uma penalização ignorando a função educativa do nosso programa de treinamento", completou a equipe catalã.