Arena Corinthians não terá evento-teste completo para abertura

terça-feira, 22 de abril de 2014 13:22 BRT
 

SÃO PAULO, 22 Abr (Reuters) - A Arena Corinthians não terá nenhum evento-teste com sua capacidade completa antes da abertura da Copa do Mundo, já que o único jogo do clube que será usado como modelo para a partida Brasil x Croácia será para 50 mil torcedores, em vez dos 68 mil esperados para os jogos do Mundial, informaram os organizadores nesta terça-feira.

O jogo que servirá de evento-teste para a Copa será Corinthians x Figueirense, que está marcado para 17 de maio, mas pode passar para o dia seguinte, pelo Campeonato Brasileiro, menos de um mês antes da abertura, em 12 de junho.

"O Corinthians entende que é melhor trabalhar com uma capacidade reduzida", disse a jornalistas o diretor de operações da Arena Corinthians, Lúcio Blanco, após reunião entre representantes do clube, Fifa, Comitê Organizador Local (COL), Ministério do Esporte e autoridades da prefeitura e governo de São Paulo.

Antes da partida de abertura, o Corinthians fará outros eventos para testar o estádio, sempre com capacidade reduzida. O primeiro em uma visita com crianças, no próximo fim de semana, depois um jogo de operários e no dia 10 ou 11 uma partida comemorativa entre atuais e ex-jogadores do time.

Existe a possibilidade ainda de o Corinthians jogar no estádio no dia 14, pela Copa do Brasil, mas também não seria com a capacidade completa do estádio, 68 mil pessoas, sendo 20 mil alocadas em arquibancadas provisórias que ainda estão sendo colocadas e ficarão prontas em 10 de maio.

"O que posso dizer é que o cronograma é apertado, ficará pronto no último minuto, mas estará pronto para a abertura da Copa do Mundo", afirmou o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, depois de vistoriar o estádio.

Outra preocupação na capital paulista é com os trabalhos no entorno do estádio, que ainda não estão prontos. A vice-prefeita, Nádia Campeão, prometeu que as obras viárias serão entregues no próximo dia 28, mas admitiu que ainda falta muita coisa.

"Nós de São Paulo estamos absolutamente conscientes que ainda temos muito trabalho pela frente... hoje ficou claro que não temos nenhum minuto a perder. O cronograma é justo, mas exequível", declarou ela.

A construtora Odebrecht entregou o estádio paulista ao Corinthians no dia 15 de abril, porém ainda inacabado .

As obras na arena deveriam ter ficado prontas em dezembro, mas foram atrasadas devido a um acidente no final de novembro, que deixou dois operários mortos. Um outro trabalhador morreu em março ao cair de uma altura de 8 metros enquanto erguia as arquibancadas provisórias, cujas obras chegaram a ser paralisadas pelo Ministério do Trabalho.

(Por Tatiana Ramil)

 
Vista geral da Arena Corinthians, em São Paulo. A Arena Corinthians não terá nenhum evento-teste com sua capacidade completa antes da abertura da Copa do Mundo, já que o único jogo do clube que será usado como modelo para a partida Brasil x Croácia será para 50 mil torcedores, em vez dos 68 mil esperados para os jogos do Mundial, informaram os organizadores nesta terça-feira. 15/04/2014 REUTERS/Nacho Doce