Paes vê com "traquilidade" visita de membro do COI e nega intervenção

quinta-feira, 24 de abril de 2014 21:30 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 24 Abr (Reuters) - A presença de Gilbert Felli, representante do Comitê Olímpico Internacional, no Rio de Janeiro para acompanhar de perto a preparação da cidade para os Jogos de 2016 é vista com tranquilidade pelo prefeito Eduardo Paes (PMDB) que entende que a vida do diretor-executivo é fruto de uma onda de reclamações de algumas federações internacionais.

Durante um debate pela Internet com um grupo de jornalistas e transmitido ao vivo nessa quinta-feira, Paes disse que já conversou com Felli pelo telefone e pretende se encontrar com o membro do COI nos próximos dias. O representante do COI chegou à cidade nessa quinta-feira e deve ir embora só na próxima semana. Até lá terá reuniões internas com órgão ligados ao evento e um pronunciamento pode ser feito ao final da visita.

O prefeito lembrou que mantêm contato permanente com o COI e que os integrantes do órgão vem ao Rio de Janeiro a cada 3 meses.

"Ele é extremamente correto, decente, educado e não solta palavras ao vento. Não vejo como intervenção. Cobrar, acompanhar, estar atento, faço questão que eles façam. Não tem esse clima. Que bom que eles está no Rio", declarou o prefeito.

A vinda de Felli ao Rio, segundo Paes, é resultado também de preocupações de federações internacionais com o andamento de obras envolvendo instalações esportivas.

Felii chegou ao Rio de Janeiro foi enviado pelo COI ao Rio de Janeiro após alertas de atrasos em obras dos jogos de 2016 e reclamações sobre características e qualificações de algumas instalações esportivas.

A Federação Internacional de Tênis reclamou do porte da arena que será construída para os Jogos de 2016. Em vez de 20 mil lugares solicitados, o estádio deve contar com 10 mil lugares.

Paes afirmou que não vai ceder a exigências de federações que encareçam o custo dos Jogos.

"Vão fazer exigências até o fim dos dias que não vou atender. Temos que oferecer algo decente, sem perder a qualidade da pratica esportiva", afirmou ele.   Continuação...