Bayern goleia Werder por 5 x 2 e envia sinal de alerta a Real Madrid

sábado, 26 de abril de 2014 13:10 BRT
 

BERLIM, 26 Abr (Reuters) - O veterano atacante Claudio Pizarro marcou duas vezes num explosivo segundo tempo para ajudar o Bayern de Munique, campeão por antecipação do Campeonato Alemão, a golear o Werder Bremen por 5 x 2 neste sábado e enviar um sinal de alerta ao Real Madrid, adversário da equipe na semifinal da Liga dos Campeões.

O jogador de 34 anos, geralmente reserva do croata Mario Manduzkic, recentemente foi chamado a tirar a equipe bávara de problemas. E ele fez exatamente isso ao marcar duas vezes com o instinto de um centro-avante de classe mundial para dar a vitória ao Bayern, que chegou a estar perdendo por 2 x 1.

A vitória dará aos bávaros um impulso de confiança antes da partida de volta da semifinal da Liga dos Campeões em casa contra o Real, depois da derrota por 1 x 0 na partida de ida na semana passada.

O Bayern, que havia vencido somente um de seus últimos quatro jogos pelo Campeonato Alemão, começou mal a partida com Theodor Gebre Selassie se aproveitando de um vacilo da defesa para marcar em um contraataque logo aos 10 minutos.

Usando braçadeiras pretas em memória ao ex-técnico do Barcelona Tito Vilanova, que morreu nesta semana, o Bayern empatou com um gol de Franck Ribéry, após passe de Pizarro.

A defesa do Bayern permaneceu instável, com Aaron Hunt driblando seu marcador, Jerome Boateng, para recolocar o Werder na frente aos 36 minutos.

O Bayern, que tenta conquistar a tríplice coroa pela segunda temporada seguida, melhorou muito após o intervalo, anotando três gols em oito minutos.

Eles empataram com Pizarro, que marcou aproveitando cabeceio de Thomas Mueller após cobrança de escanteio de Ribéry aos 8 minutos do segundo tempo.

O peruano, que encabeça a lista de artilheiros estrangeiros da história do Campeonato Alemão, repetiu o mesmo movimento quatro minutos mais tarde para dar a liderança do placar ao Bayern em 3 x 2, e Bastian Schweinsteiger fez o quarto de cabeça aos 15 minutos da etapa final.

Arjen Robben fechou o marcador aos 29 minutos do segundo tempo.

(Reportagem de Karolos Grohmann)