Velocista dos EUA Tyson Gay é suspenso por 1 ano por doping

sexta-feira, 2 de maio de 2014 20:04 BRT
 

2 Mai (Reuters) - O velocista norte-americano duas vezes campeão mundial Tyson Gay foi suspenso por um ano por ter sido flagrado em 2013 em um exame antidoping pelo uso de um esteroide anabolizante proibido, informou a Agência Antidoping dos Estados Unidos (Usada) nesta sexta-feira.

Gay também devolveu a medalha de prata conquistada com a equipe dos EUA no revezamento 4x100 metros rasos nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012, mas estará liberado para voltar a competir já no próximo mês, após ter admitido o uso da substância e colaborado com os investigadores.

"Estamos gratos por ele ter decidido vir e ser verdadeiro em sua cooperação conosco", disse à Reuters o chefe-executivo da Usada, Travis Tygart.

"Com a perda dos resultados desde 2012, incluindo uma medalha olímpica, ele sofreu consequências sérias, mas ao cooperar ele tentou ajudar o esporte a seguir em frente pelo bem dos atletas limpos", acrescentou.

Como parte da suspensão, Tyson Gay, o segundo homem mais rápido da história ao lado do jamaicano Yohan Blake, foi desclassificado de todas as competição disputadas desde 15 de julho de 2012, data do primeiro uso de um produto que continha o esteroide proibido.

O velocista de 31 anos poderia ter sido suspenso por dois anos por seu primeiro caso de doping, mas recebeu uma pena menor por sua ajuda substancial na investigação, informou a Usada. Ele aceitou a punição.

Apenas o recordista mundial Usain Bolt já correu os 100 metros mais rápido do que Tyson Gay, que conquistou os títulos mundiais dos 100m e dos 200m em 2007, no Japão.

(Por Gene Cherry em Raleigh, Carolina do Norte)