Felipão anuncia 23 convocados da seleção sem surpresas para Copa

quarta-feira, 7 de maio de 2014 12:31 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 7 Mai (Reuters) - O técnico Luiz Felipe Scolari anunciou nesta quarta-feira os nomes dos 23 jogadores que vão representar o Brasil na Copa do Mundo deste ano sem surpresas, e manteve a base da equipe que conquistou a Copa das Confederações.

Assim como no torneio preparatório do ano passado, Neymar é o principal jogador da equipe, que também terá novamente nomes como Fred, Thiago Silva, Oscar e Julio Cesar.

"A partir da escolha e a partir da divulgação desses nomes ao nosso país, (gostaria de) pedir, solicitar, aos nossos torcedores que, mesmo que discordem de A, B ou C, isso é democrático e normal, que os convocados aqui sejam muito bem recebidos, bem tratados, da forma que sempre fomos muito bem tratados nos jogos do Brasil", disse Felipão antes de anunciar sua lista.

Entre as principais dúvidas na equipe, o treinador optou por Victor como terceiro goleiro, Henrique na zaga, Maicon como lateral-direito reserva e Hernanes no meio-campo.

A lista do treinador confirma um fato raro nas participações do Brasil em Mundiais: os jogadores da defesa, formados na Europa, são quase unanimidade entre a torcida.

Os jogadores da seleção brasileira vão se apresentar no dia 26 de maio para iniciar a preparação para a Copa do Mundo na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), onde ficarão concentrados para a disputa da competição.

O Mundial em casa representa uma oportunidade para o Brasil apagar a lembrança amarga da derrota para o Uruguai na final da Copa de 1950, a única outra vez que o país sediou o Mundial.

A seleção brasileira estreia na Copa do Mundo em 12 de junho, contra a Croácia, em São Paulo, e depois enfrentará México e Camarões, nos dias 17 e 23 do mês que vem, em Fortaleza e Brasília.

Veja a lista de convocados:   Continuação...

 
O técnico Luiz Felipe Scolari chega com lista de jogadores para convocação do Brasil para a Copa do Mundo de 2014, nesta quarta-feira, no Rio de Janeiro. REUTERS/Sergio Moraes