Beckman busca aprovação para acordo de estádio em Miami

quinta-feira, 8 de maio de 2014 12:00 BRT
 

Por Zachary Fagenson

MIAMI, 8 Mai (Reuters) - O jogador inglês de futebol David Beckham buscou convencer parlamentares de Miami na quarta-feira a aprovar sua proposta para um estádio de futebol com capacidade para 25 mil pessoas, a ser construído em uma área nobre da cidade.

Vestido em um terno sob medida, Beckham bateu à porta de gabinetes parlamentares no centro de Miami por toda manhã e tarde de quarta, reunindo-se com assessores e posando para fotos.

O plano de Beckham para um estádio futurístico à beira-mar, perto do porto de Miami, para abrigar uma nova franquia da Major League Soccer (MLS), o campeonato de futebol conjunto dos EUA e Canadá, tem se deparado com a resistência de um grupo liderado pela companhia de cruzeiros Royal Caribbean, sob o argumento de que poderá interferir com as operações de turismo e carga.

Beckham disse que nunca esperou que a aprovação do estádio eria fácil. "Ee e investidores vamos colocar até 250 milhões de dólares... não queremos trazer preocupações", disse ele.

Com os sócios Simon Fuller, criador do programa "American Idol", e o bilionário boliviano Marcelo Claure, fundador da Beighstar Corp, sediada em Miami, Beckham argumenta que vai pagar impostos e o valor do arrendamento à administração local. O grupo planeja construir o estádio de 250 milhões de dólares com financiamento privado.

Beckham ainda não revelou quem são seus investidores.