Goetze é o homem versátil com a missão de dar fim à seca alemã

quinta-feira, 8 de maio de 2014 12:41 BRT
 

Por Karolos Grohmann

BERLIM, 8 Mai (Reuters) - O meia Mario Goetze viu sua reputação e carreira estourarem nos últimos quatro anos, conquistando títulos alemães e se tornando a arma secreta do técnico Joachim Loew.

A Copa do Mundo de 2010 chegou cedo demais para o jogador, que tinha 21 anos, mas desde então ele vem deslumbrando espectadores com seu jogo versátil e criativo.

Ele venceu dois campeonatos alemães pelo Borussia Dortmund, incluindo a conquista dupla com a Copa da Alemanha em 2012, e ajudou a equipe a chegar à final da última final da Liga dos Campeões da Europa.

As atuações do meia lhe valeram uma transferência em julho passado para o Bayern de Munique, onde já assegurou o Campeonato Alemão da atual temporada e ainda tem outro troféu ao alcance, o da Copa da Alemanha.

O crescimento de Goetze na seleção tem sido igualmente espetacular, com Loew optando por vezes em utilizar o meia como seu único atacante.

E Goetze parece ser a melhor representação do que Loew tem lutado para conquistar.

O treinador, que na Copa de 2010 convocou a seleção alemã mais jovem em 76 anos, tem se esforçado para tornar sua seleção ainda mais ofensiva, rápida e envolvente.

São as mesmas virtudes presentes na forma audaciosa de Goetze jogar, com sua habilidade de marcar gols a partir de qualquer posição.   Continuação...